Adolescência – Fim da rebeldia?

Se liga na cena: eu chegando de preto, bermudão, correntes e bem boladão. Me deparei com um maluco na porta me chamando para entrar, mas eu eu era cabreiro (ainda sou) com essas fitas. Depois de tanto o maluco insistir, eu entrei no recinto. O lugar era pequeno e estava lotado com cerca de 60 pessoas (que merda!). Ao púlpito, o pastor pregava seu sermão com bastante veemência.

Me sentei em uma cadeira próxima a porta indicada por um obreiro daquela congregação. Beleza, e agora? Eu demorei, mas acabei aceitando o que o pastor falava. Não fiquem pensando que eu levantei a minha mão e “aceitei a Jesus”.

Não foi nada disso. Embora a mensagem tenha conseguido vez. Eu era só um adolescente que tentava se encontrar no mundo. No outro dia eu quebrei todos os meus CD’s de “bandas satânicas” de heavy metal, black metal, death metal, etc. (Risos). Fiquei só com aqueles que eu achava que as letras não eram “do diabo”. E não eram mesmo.

O povo religioso tem que parar com essa palhaçada de que toda música que não é evangélica é do diabo. O diabo lá tem nada, rapá! Tudo bem, existem pessoas que fazem pactos satânicos e tal, e até dedicam suas letras musicais ao dito cujo. Mas o que é que tem de maligno, por exemplo, numa letra romântica? Se fala de amor, de onde os crentes dizem que vem o amor? Do bem ou do mau? Existem várias respostas para essas perguntas e eu não critico nenhuma contrária a minha opinião. Não sou o dono da verdade. E quem é o dono da verdade?

Voltando ao assunto… Do nada eu comecei a ler a Bíblia pra caramba, e nela, descobri umas fitas bem interessantes. Por exemplo: eu descobri que muitas das coisas pregadas nas igrejas não eram bem do jeito que diziam ser. Os caras se baseiam na Bíblia, mas são contraditórios a ela. Eu acabei não durando muito tempo nesse sistema religioso. O porque você descobrirá nas próximas postagens. Continue acompanhando essa história.

Será que foi o fim da rebeldia?

escrito em 14 de maio de 2010

@PetterMC

Anúncios

Véi, disserte sobre o assunto!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s